Mundo: Terremoto atinge a Cidade do México, derruba prédios e mata de 50

O fenômeno sacudiu edifícios e causou pânico,
levando as pessoas a correr para as ruas.
Um forte terremoto de 7,1 graus na escala Richter foi registrado nesta terça-feira, 19, no México apenas 12 dias depois de um tremor de 8,2 graus atingir a costa sul do México. O tremor deixou ao menos 61 mortos, 42 deles no Estado de Morelos. Ao menos 11 pessoas morreram no Estado de Puebla. O governador do Estado do México, Alfredo del Mazo, disse que as outras oito vítimas morreram na capital, mas havia pessoas presas em vários edifícios que desmoronaram. O governador acrescentou que seis crianças ficaram feridas em um desmoronamento no município de Ecatepec. De acordo com o governador de Morelos, Graco Ramírez, o maior número de vítimas foi registrado no município de Jojutla, onde 12 pessoas morreram. O fenômeno sacudiu edifícios e causou pânico, levando as pessoas a correr para as ruas. O tremor ocorreu no mesmo dia em que se completa 32 anos do terremoto de 8,1 graus que deixou ao menos 10 mil mortos na capital mexicana. No momento do terremoto, várias pessoas participavam justamente de um treinamento para aprender a lidar com sismos.

Comentários fechados.

Notícias Relacionadas