Mutuípe: Homem acusado de plantar maconha para vender é preso na zona rural

 

Na última quarta-feira (14) durante operação da Polícia Militar foi detido Elielson Cerqueira do Nascimento, 32 anos, residente na localidade do Alto do Bom Jesus na zona rural de Mutuípe. De acordo com a polícia, o elemento semeava maconha em cacos de plantas e depois replantava no meio do cacau a droga, que usava para vender. O homem foi encaminhado para a Delegacia de Polícia daquela cidade onde está à disposição da Justiça Criminal. (Reportagem e Fotos Voz da Bahia).

 

Mulher com duas vaginas diz que perdeu a virgindade duas vezes

 



Durante 18 anos, a britânica Hazel Jones viveu com duas vaginas sem saber.
Embora rara, sua condição já foi explicada pela ciência: trata-se de uma má formação congênita chamada útero didelfo, que acomete uma mulher em cada um milhão.
Em um programa de TV de lá, a jovem disse que só descobriu que era diferente quando um namorado a alertou sobre o problema.
A britânica afirma que não passará por cirurgia para corrigir a disfunção, porque “o pós-operatório deixaria uma cicatriz grande e desagradável”.
UOL

Após três mortes, PM descarta esquema de extermínio de policiais

. Após a morte de três policiais em pouco mais de uma semana na cidade de Feira de Santana, a 109 km de Salvador, a Polícia Militar da cidade descartou a possibilidade de um esquema de extermínio de policiais.

“Eu acredito que são fatos isolados. Embora violentos, mas são fatos isolados. Acredito que o fato foi direcionado às pessoas dos policiais, mas não os policiais. Eu não vejo nenhuma ligação de um fato com o outro”, declarou à TV Bahia o coronel Ademário Xavier, comandante da região.

Apesar de negar que PMs baianos estão sendo ameaçados, corporação recomenda cautela
O subcomandante geral da PM, coronel Carlos Sebastião Euletério Filho, usou a página da instituição no Facebook para divulgar uma mensagem recomendando cautela aos policiais. “É fato que as notícias chegadas do Estado de São Paulo tem causado preocupação a toda a sociedade brasileira, em especial, aos policiais militares”, escreveu. Em São Paulo, a morte de policiais estaria sendo ordenada pelo Primeiro Comando da Capital (PCC) a bandidos em dívida com a facção.

Segundo o subcomandante, “toda área estratégida da Segurança Pública” está acompanhando a situação, mas não encontrou até agora nada que sinalize que os policiais militares da Bahia estão sofrendo ameaças. Apesar disso, ele recomenda cautela a todos. “Verificar com atenção ambiente, as pessoas e os contextos são cuidados próprios da especificidade da missão, sendo esta uma orientação pertinente e permanente para todos os policiais militares”, diz a nota.Neste ano na Bahia foram registrados 26 assassinados de policiais – 24 PMs e dois civis.

Advogado preso com maconha em Simões Filho

 

 
O advogado Antonio Lages Bemfica Júnior, de 37 anos foi preso com duas trouxas com aproximadamente 50g de maconha, na tarde desta sexta-feira (16), em Simões Filho. Os policiais da Garra Delta realizavam rondas pela localidade quando abordaram o advogado que conduzia uma motocicleta Dafra, de cor azul e placa NYU 8871.

Antonio Lages foi conduzido para a 22ª Delegacia de Simões Filho. Em 2009, ele foi preso por porte de droga e responde inquérito por corrupção ativa (art. 33 parágrafo único do CPB).

Foto: Divulgação


Homem procurado por assaltos a bancos em MT é detido na BA

 

A Polícia Civil prendeu na madrugada desta quarta-feira (14), no município de Feira de Santana, a cerca de 100 Km de Salvador, um homem procurado pela polícia em Mato Grosso. Ele faria parte de uma quadrilha de assalto a bancos caracterizada pela violência em suas ações, sendo conhecida como “Novo Cangaço”. De acordo com o coordenador do Grupo de Repressão a Crimes Contra Instituições Financeiras (Garcif), Daniel Pinheiro, o homem foi encontrado em uma pousada com uma garota de programa após uma denúncia.


“A gente realizou algumas ações na Bahia visando identificar e prender alguns assaltantes a bancos. Durante algumas ações que a gente realizou em Feira de Santana chegou a informação de que esse cidadão estaria em uma pousada com uma garota de programa. Nós realizamos uma abordagem e descobrimos que se tratava de um bandido procurado no Mato Grosso por diversos assaltos”, afirma Daniel Pinheiro. De acordo com a Polícia Civil na Bahia, o homem tem mandado de prisão em aberto em Mato Grosso e deve ser transferido para o estado até o início da próxima semana. Enquanto isso, ele ficará custodiado em algum presídio da Bahia, que ainda não foi definido. (G1)

 

Mais de 400 pedidos de demissão na PM de São Paulo em 2012

 

 
A Polícia Militar do Estado de São Paulo (PMESP) vive um momento crítico com os atuais atentados contra homens e mulheres da corporação, além da acentuação dos índices de violência no estado como um todo. Dentre os variados aspectos que podem convencer um policial a abandonar a carreira, certamente a incidência desses ataques aos agentes da lei é um dos mais eloquentes argumentos para a debandada.
Segundo a Folha de São Paulo, o ano de 2012 vem sendo recordista em pedidos de demissões de policiais militares paulistas:
Quase uma década de sua vida foi dedicada à Polícia Militar. Acordava cedo, vestia sua farda, botava a arma no coldre, fazia uma oração ao lado da mulher e ia para o batalhão na Grande São Paulo.
Neste ano, estava trabalhando em Guarulhos, cidade onde dois PMs foram assassinados na mais recente onda de violência. Em todo o Estado, ao menos 92 policiais foram mortos em 2012.
Foi exatamente por conta desses ataques que Gabriel, nome fictício, decidiu deixar a corporação. Disse que se cansou de ser alvo de ladrões.
“Você põe a ‘cara’ na mira do bandido e é chamado de violento. É hostilizado por quem você quer defender e o salário é uma piada”, disse.
E Gabriel, que agora é supervisor de uma empresa de segurança, não está sozinho. Dos últimos 12 anos, 2012 já é o recordista em número de PMs que pediram demissão. Foram 440 até outubro.
Nem no ano dos ataques da facção criminosa PCC, em 2006, houve tantos pedidos de exoneração. De janeiro a outubro daquele ano, 411 PMs saíram por vontade própria.

E o pior não é o índice de saída, mas o de permanência incomodada de quem não tem condições de se sustentar fora da corporação…

Pastor da Igreja Universal é acusado de Intolerância religiosa

 

 
imageA pessoas estava “manifestada”, vilipendiando a religião afro
 

Professora e ex-candidata à prefeitura de Itaparica, Marlylda Barbuda (PDT), entrou com uma Ação de Indenização por danos Material e Moral contra o pastor da Igreja Universal, Carlos Eduardo Nunes.

A Ação, protocolada no dia 07/11/2012, na V Vara Civil da Comarca de Itaparica, é decorrente da gravação de um vídeo, feito por uma câmera de celular no interior da igreja, no dia 29 de setembro de 2012.
Os Templos da IURD são facilmente identificados devido ao padrão de suas arquiteturas. O vídeo mostra que o pastor Carlos supostamente atendia a uma pessoa, que estava manifestada, vilipendiando a religião afro brasileira.
Exu da Morte
No dialogo entre o pastor e a senhora manifestada, esta diz que seu nome é “Exu da morte” e responde a várias perguntas, afirmando que a professora Marlilda teria oferecido o sangue de uma vaca e que o “trabalho” tinha como objetivo a morte de um adversário dela.
Segundo a acusação, o vídeo foi repassado para vários fieis, via torpedo, visando prejudicar Marlylda na eleição, além de uma clara manifestação de racismo e intolerância religiosa, razão pela qual ela decidiu ir à Justiça.


Policiais do Pelotão Especial recupera carro roubado e apreende arma de fogo

 

Peixinho contou para reportagem que, a guarnição fazia ronda pelo Centro da Cidade, na noite de domingo (11), quando recebeu informações pela Central, que um homem estaria no modulo da Prefeitura. “Nossa guarnição se deslocou,


Policiais do Pelotão Especial recupera carro roubado e apreende arma de fogo
Veiculo recuperado pelos PMs

Policiais do Pelotão Especial da 64ª Companhia Independente de Polícia Militar (CIPM), sob o comando do soldado Peixinho recuperaram um veiculo Ford Ecosport tomado de assalto e ainda recuperaram uma arma de fogo, usada no crime.
Peixinho contou para reportagem que, a guarnição fazia ronda pelo Centro da Cidade, na noite de domingo (11), quando recebeu informações pela Central, que um homem estaria no modulo da Prefeitura. “Nossa guarnição se deslocou, conversamos com a vitima, que nos informou que dois bandidos teriam tomado seu veiculo Eco Sport de placa JQZ-3963 de assalto, no bairro Jussara”.
Peixinho contou ainda que, “nossa guarnição se deslocou até o Jussara e após diligencias em várias ruas escuras do bairro, conseguimos identificar o veiculo, mas quando os criminosos perceberam nossa presença, fugiram deixando o veiculo e arma usada no assalto”, afirmou Peixinho.
O veiculo e a espingarda de fabricação caseira foi encaminhados para o Plantão Central do Complexo Polícia Investigador Bandeira.

Delegado leva dois tiros durante assalto no Barbalho e está em estado grave

www.aindahoje.com Delegado baleado no Barbalho

O delegado Eduardo Rafael foi vítima da violência da capital baiana na noite desta quarta-feira (7). Segundo a Central de Polícia, o delegado foi alvo de um assalto no bairro do Barbalho e durante a ação dos bandidos foi atingido com dois tiros no tórax. Não há informações se houve reação por parte do agente ou se os bandidos descobriram que ele era delegado.
Eduardo foi encaminhado ao Hospital Geral do Estado (HGE) em estado grave e já aguarda transferência para uma unidade particular.
Os ladrões fugiram e não há detalhes sobre o que foi roubado. Eduardo é plantonista da Delegacia de Repressão a Furtos e Roubos de Veículos (DRFRV).


Juízes prometem parar nesta semana para protestar por reajustes salariais

 


Juízes federais e trabalhistas insatisfeitos com os próprios salários prometem cruzar os braços na próxima quarta e quinta-feirapara dar visibilidade à causa. O movimento é liderado pelas duas maiores entidades de classe das categorias, a Ajufe (Associação dos Juízes Federais do Brasil) e a Anamatra (Associação Nacional dos Magistrados da Justiça do Trabalho). As entidades, que representam cerca de 5.000 juízes, ainda não sabem qual será a taxa de adesão nem os efeitos da greve para a sociedade. — Mas, ressaltamos que haverá magistrados de plantão para emergências e que todas as audiências agendadas para o período da paralisação serão remarcadas. Os juízes também ameaçam boicotar a Semana Nacional de Conciliação, que é realizada pelo CNJ (Conselho Nacional de Justiça) desde 2006 e neste ano será de 7 a 14 de novembro. No ano passado, as duas justiças realizaram quase 110 mil audiências e cerca de 50 mil acordos, que totalizaram R$ 748 milhões.