Ibope mostra que 85% dos brasileiros desaprovam governo Temer

Ibope mostra que 85% dos brasileiros desaprovam governo Temer

Foto: Alan SantosPR

O presidente Michel Temer encerrará o mandato com rejeição de 85% dos brasileiros, segundo pesquisa CNI/Ibope divulgada nesta quinta-feira (13), um dos mais baixos índices de popularidade desde o governo do ex-presidente José Sarney. Apesar do número ainda elevado, houve queda em relação a última pesquisa, em setembro, quando a rejeição era de 92%. Esse também é o menor porcentual de rejeição de Temer registrado pela pesquisa desde setembro de 2017. A aprovação do atual presidente teve um crescimento de 6% para 9%. Outros 5% não souberam ou não quiseram responder. Esta é a última pesquisa realizada pela instituição este ano. Entre os que avaliam o governo Temer como ótimo ou bom, houve oscilação de 4% a 5% entre setembro e dezembro deste ano, dentro da margem porcentual de dois pontos para mais ou para menos. O porcentual dos que avaliam o governo como ruim ou péssimo caiu de 82% para 74% de setembro para dezembro. Neste mês, 18% avaliaram o governo como regular, um aumento de 6% percentuais em relação a última pesquisa. O índice de confiança de Temer permaneceu estável: 90% afirmaram não confiar no atual presidente. O porcentual é o mesmo desde o ano passado. No entanto, aqueles que confiam no presidente cresceram de 5% para 7%, dentro da margem de erro. A pesquisa foi realizada pelo Ibope entre os dia 29 de novembro e 2 de dezembro. Foram consultados 2.000 eleitores em 127 municípios brasileiros. A margem de erro é de dois pontos percentuais para mais ou menos. O nível de confiança é de 95%. Com informações do Estadão Conteúdo.


Jair Bolsonaro é diplomado Presidente da República

A cerimônia da diplomação acontece agora em Brasília e conta com autoridades como a presidente do Tribunal Superior Eleitoral Rosa Weber, ministro do STF Luiz Fux, o presidente do Senado Eunício Oliveira, o presidente da Câmara Rodrigo Maia, e oficiais do exército e marinha. Mais de 700 pessoas foram convidadas para o evento.

Em seu discurso, Bolsonaro repetiu o lema “Brasil acima de tudo, Deus acima de todos”, disse que irá para governar para todos os brasileiros, independente de raça, cor, sexo, etc. Também disse que lutará para a geração de empregos.


Paul McCartney anuncia dois shows no Brasil em 2019

Paul McCartney anuncia dois shows no Brasil em 2019

Folhapress

Foto: © REUTERS/Diego Vara

Paul McCartney confirmou nesta segunda-feira (3) dois shows no Brasil em 2019. O ex-beatle volta ao país para promover o álbum “Egypt Station” no Allianz Parque (São Paulo), em 26 de março, e no estádio Couto Pereira (Curitiba), em 30 de março. Os ingressos custam de R$ 130 a R$ 890 e ficam disponíveis no site da Tickets fo Fun. A venda para o público geral começa no dia 6 de dezembro. Segundo a promotora do evento, haverá pré-venda exclusiva para fãs cadastrados no site internacional de Paul McCartney. Essa ação tem início às 10h desta terça-feira (4) e se encerra às 20h da quarta (5). Com a Freshen Up Tour, a nova visita do cantor ocorre pouco mais de um ano de seu último show no país. Foi em outubro de 2017, quando veio para a “One on One Tour” e se apresentou em Porto Alegre, São Paulo, Belo Horizonte e Salvador.

  • PAUL MCCARTNEY NO BRASIL
  • SÃO PAULO
  • Quando: 26 de março
  • Onde: Allianz Parque
  • Quanto: R$ 200 a R$ 890Vendas: a partir de 4 de dezembro (para fãs cadastrados); 6 de outubro (público geral)
  • Mais informação: ticketsforfun.com.br
  • CURITIBA
  • Quando: 30 de março
  • Onde: estádio Couto Pereira
  • Quanto: R$ 130 a R$ 850
  • Vendas: a partir de 4 de dezembro (para fãs cadastrados); 6 de outubro (público geral)
  • Mais informação: ticketsforfun.com.br
  • Com informações da Folhapress.

Palmeiras levanta taça de campeão em cerimônia com Bolsonaro no Allianz

O Palmeiras levantou a taça de campeão brasileiro neste domingo (2), no Allianz Parque, após bater o Vitória por 3 a 2 na última rodada da competição. Campeão antecipado, o time alviverde recebeu medalhas das mãos do presidente eleito Jair Bolsonaro (PSL), que participou da cerimônia no gramado com os atletas e também ergueu o troféu. Ao lado de Bolsonaro, estiveram o presidente do Palmeiras, Maurício Galiotte, o presidente da CBF, Antônio Carlos Nunes, o presidente eleito da CBF, Rogério Caboclo, que assume no ano que vem, e o senador eleito por São Paulo Major Olímpio, também do PSL. Cada jogador do elenco, além do técnico Felipão e do auxiliar Paulo Turra, foi bastante festejado pela torcida, que quebrou o recorde de público do Allianz Parque, com mais de 41 mil presentes. Todos usaram uma camisa especial com o número 10 às costas, em alusão ao número de títulos brasileiros do clube.

Também vestindo uma camisa 10 do Palmeiras, Bolsonaro foi ovacionado pela maioria dos torcedores presentes ao Allianz Parque, que entoaram gritos como “Mito, mito”, e “Ei, Lula, vai tomar no c…”, em alusão ao ex-presidente e principal nome do PT. “É um clima de festa, de libertar os sentimentos”, disse Bolsonaro no gramado. “Parabéns ao Palmeiras e a todos os torcedores do Brasil. É uma festa que é ímpar para mim, agradeço à direção por ter sido convidado”

Bolsonaro recebeu o convite da direção do Palmeiras após ter parabenizado o clube via Twitter pela conquista do título na rodada passada. Ele assistiu ao jogo em um camarote ao lado de nomes como Galiotte, a conselheira e patrocinadora Leila Pereira e o ex-goleiro Marcos. Durante o jogo, recebeu pouca atenção da torcida, mas na cerimônia da taça teve seu nome gritado pela maior parte do estádio. Após todos os atletas e a comissão técnica receberem medalhas, o capitão Bruno Henrique foi o responsável por levantar o troféu, em meio a uma explosão de rojões e papel picado no gramado. Depois, os jogadores foram fazer a festa com a torcida e deram a volta olímpica. (UOL Esporte)


Morre pai dos atores Sthefany e Kayky Brito; filho prestou homenagem em rede social

 Morre pai dos atores Sthefany e Kayky Brito; filho prestou homenagem em rede social

Joseph Brito, o pai dos irmãos Stephany e Kayky Brito, faleceu na manhã desta terça-feira (27). A causa da morte ainda não foi divulgada, mas está relacionada a problemas pulmonares. Kayky chegou a fazer uma homenagem ao pai: em uma de suas redes sociais, publicou uma foto antiga onde aparece com a irmã, o pai e a avó. “Você foi visitar a Vó Nanci que você tanto sentia saudade, então tenho certeza que está feliz! Te Amo meu palmeirense-pai-poeta-vagabundo-ídolo”, diz a legenda. A mãe dos irmãos, Sandra Brito, se separou de Joseph quando Kayky e Stephany ainda eram jovens. (Holofote)


TSE reforma decisão e indefere candidatura de Caetano; suplente assume mandato

TSE reforma decisão e indefere candidatura de Caetano; suplente assume mandato

Foto: Maiara Lima

O Tribunal Superior Eleitoral (TSE) reformou a decisão do Tribunal Regional Eleitoral da Bahia (TRE-BA) e indeferiu o registro da candidatura do deputado federal Luiz Caetano (PT-BA). O parlamentar foi reeleito com 124.647 votos, porém foi enquadrado pela Lei da Ficha Limpa por uma condenação por improbidade administrativa. A decisão foi unânime. Com 7 votos a 0, os ministros consideraram que o ex-prefeito de Camaçari não deveria ter tido o registro validado pela Justiça Eleitoral. Assim, o primeiro suplente, Charles Fernandes (PSD), assumiria o posto. Fernandes, porém, também possui pendências com a Justiça Eleitoral e pode vir a ser considerado inapto a assumir o mandato. O ex-prefeito de Guanambi teve seus votos considerados suspensos à época da apuração das urnas por responder a processos que o enquadrariam na Lei da Ficha Limpa. Nesse caso, o segundo suplente, Joseildo Ramos (PT), herdaria a vaga. De acordo com o advogado eleitoral Ademir Ismerim, a decisão não impacta no coeficiente eleitoral, pois o registro no TRE-BA, cassado agora pelo TSE, garante a validade dos votos de Caetano.  (por Fernando Duarte / Ulisses Gama – Bahia Notícias)


Kim Kardashian diz que estava drogada quando fez vídeo de sexo

Kim Kardashian diz que estava drogada quando fez vídeo de sexo

Foto: Getty Images

A vida das irmãs Kardashian é um livro aberto -ou melhor, um reality show. No último episódio de “Keeping Up With The Kardashians”, que foi ao ar nos EUA neste domingo (25), Kim  Kardashian  afirma ter se drogado durante seu primeiro casamento. Em um diálogo entre as irmãs e Scott Disick, ex-marido de Kourtney Kardashian, exibido no reality, Kim diz ter usado ecstasy no dia de seu primeiro casamento com o produtor Damon Thomar, em 2000 e diversas vezes desde então -até quando aceitou gravar uma sex tape, em 2003.  “Eu me casei sob efeito de ecstasy”, disse ela. “Eu usei ecstasy uma vez e me casei; usei de novo e fiz um vídeo de sexo. Tipo, tudo de ruim aconteceu”, disse ela. O vídeo de sexo vasou em 2007, alçando a socialite à fama. O ex-cunhado repete a pergunta, questionando se ela estava mesmo sob efeito da droga quando filmou. “Claro. Todo mundo sabe”, continuou. “Minha mandíbula estava tremendo o tempo todo”. A socialite também relembrou uma viagem que ela e Paris Hilton fizeram juntas.  Ela disse ter saído com a amiga às 7h da manhã de uma balada e ido dormir em um barco ancorado. “Eu não consigo acreditar que aquela era você”, comentou Kris Jenner, matriarca da família. “Eu definitivamente vivi uma fase selvagem, eu diria no final da minha adolescência. Eu não sou mais assim mas ainda me divirto. Não confunda as coisas, eu sou sempre a essência da festa!” Com informações da Folhapress. (Notícia ao Minuito)


Polícia Federal investiga vídeos com ameaças a Bolsonaro

A Polícia Federal (PF) investiga vídeos divulgados na internet em que homens ameaçam de forma ostensiva o presidente eleito, Jair Bolsonaro. As imagens estão sendo submetidas à análise do Departamento de Inteligência da PF. Os detalhes são mantidos sob sigilo por questão de segurança. Bolsonaro já havia também relatado ameaças. Agentes responsáveis pela inteligência da PF confirmaram que, no fim de semana, houve a divulgação de vídeos suspeitos. Desde que sofreu o atentado, em setembro, em Juiz de Fora, Minas Gerais, quando foi atingido por uma faca no abdômen, Bolsonaro passou a andar com uma escolta policial reforçada.
Apesar do esquema rigoroso de segurança, uma manifestante conseguiu se aproximar ontem (20) do local de desembarque de autoridades no gabinete de transição no Centro Cultural Banco do Brasil (CCBB) e agredir verbalmente o presidente eleito, com xingamentos.
Reuniões
O ministro Luiz Fux, do Supremo Tribunal Federal (STF), esteve hoje (21) por cerca de meia hora com Bolsonaro. Após o encontro, Fux saiu sem falar com a imprensa. O encontro ocorre no momento em que o presidente Michel Temer avalia a possibilidade de reajuste para os ministros do STF. Fux é o relator das liminares concedidas por ele, em 2014, que garantiram o pagamento de auxílio-moradia a juízes federais. O tema deverá entrar em pauta nos próximos dias. Pela manhã, o futuro ministro da Saúde, Luiz Henrique Mandetta, foi o primeiro a chegar ao gabinete de transição. Em seguida, Bolsonaro desembarcou no local com o general Augusto Heleno (Gabinete de Segurança Institucional). O secretário-geral da equipe transição de governo, Gustavo Bebbiano, também estava no local.

Bolsonaro cresce e atinge 32%; Haddad tem 21%, mostra Datafolha

Bolsonaro cresce e atinge 32%; Haddad tem 21%, mostra Datafolha

Foto: Reuters

Líder da corrida presidencial, o deputado Jair Bolsonaro (PSL) alcançou 32% das intenções de voto na mais recente pesquisa do Datafolha, realizada nesta terça-feira (2). Fernando Haddad (PT) aparece com 21%. Foco de manifestações que levaram milhares de opositores e admiradores às ruas das principais cidades no fim de semana, Bolsonaro ganhou quatro pontos percentuais desde a semana passada, segundo o instituto. Ciro Gomes (PDT), que disputava o campo da esquerda com os petistas desde o início do ano, se manteve com 11%, empatado com Geraldo Alckmin (PSDB), que oscilou de 10% para 9%. O Datafolha entrevistou 3.240 eleitores de 225 municípios nesta terça. A margem de erro do levantamento é de dois pontos percentuais, para mais ou para menos. A pesquisa foi contratada pela Folha de S.Paulo. Bolsonaro e Haddad empatam nas simulações feitas para o segundo turno. No cenário em que os dois se enfrentam, Bolsonaro cresceu de 39% para 44% e Haddad oscilou de 45% para 42%. A pesquisa foi registrada no Tribunal Superior Eleitoral com o número BR-03147/2018. O nível de confiança é de 95%. (Notícias ao Minuto)


‘Não reformei a casa do esfaqueador’, diz Fátima após boatos sobre Bolsonaro

‘Não reformei a casa do esfaqueador’, diz Fátima após boatos sobre Bolsonaro

A apresentadora Fátima Bernardes utilizou suas redes sociais, nesta quinta-feira (20), para desmentir uma notícia de que teria reformado a casa do agressor do candidato à Presidência Jair Bolsonaro (PSL). O boato, espalhado no WhatsApp, afirma que a produção do “Encontro” teria premiado a família do pedreiro Adélio Bispo de Oliveira com R$ 350 mil, além de reformar a casa do esfaqueador do presidenciável. “Mais uma notícia falsa circulando pela internet me obriga a fazer esse esclarecimento. Eu não reformei a casa do esfaqueador do candidato à presidência da república pelo PSL. Toda a minha vida pública sempre foi pautada no respeito à vida humana, independentemente de credo, cor, gênero, ideologia. Eu jamais apoiaria qualquer ato de violência. Divulgar uma notícia falsa é uma irresponsabilidade que não contribui em nada para o momento que estamos vivendo”, desabafou Fátima. Confira: