Servidora denuncia que prefeitura de PTN desconta consignado, mas não faz repasse ao banco

Foto: divulgação

DO PTN NEWS

Servidores do Município de Presidente Tancredo Neves que possuem empréstimos consignados estão correndo o risco de ter seus nomes incluídos no Serviço de Proteção ao Crédito (SPC). Uma servidora que pediu para não ter o nome divulgado, procurou a redação do PTNNEWS para contar que, há dois meses, o Município tem feito normalmente os descontos do empréstimo em sua folha de pagamento, porém, o valor não estaria sendo repassado à Caixa Econômica Federal e ao Banco do Brasil, bancos que concederam os créditos.

“Já recebi duas notificações de inadimplência, mas os valores foram descontados no meu contracheque. O Município retém o dinheiro e não repassa para a Caixa e ao BB. Fiz contato com a agência do Santo Antônio de Jesus e aqui na cidade e, disseram estar sem previsão de receber o repasse”, denunciou a servidora. “A Caixa não está cobrando juros, fiquei sabendo que fizeram um acordo com o Município. Mas isso pode trazer prejuízo para o servidor, que vai acabar tendo o nome inscrito no Serasa”, completou.

                                                        

A situação não é nova, em 05 de Março de 2013, teve uma situação parecida, na ocasião teve a denúncia feita por Filogno Mascarenhas e publicada no site Bocão News, Relembre a matéria

O espaço está aberto para que a prefeitura municipal de Presidente Tancredo Neves possa se manifestar, entramos em contato com a Caixa, já a mesma não confirmou se está havendo os repasses por parte do Município, mas esclareceu que a responsabilidade de desconto dos valores das prestações debitadas em folha é exclusiva do órgão convenente (no caso, o Município). “Quanto às possíveis negativações ou cobranças de clientes, a Caixa adota imediatamente as devidas providências para que isso não ocorra”, informa a nota padrão do banco público quando se trata deste assunto.


Anthony e Rosinha Garotinho são presos pela Polícia Federal

O ex-governador do Rio de Janeiro Anthony Garotinho e a esposa Rosinha Garotinho foram presos na manhã desta quarta-feira (22) pela Polícia Federal.
Os dois foram levados por agentes da PF, em um desdobramento da Operação Chequinho, que investiga a compra de votos na cidade de Campos dos Goytacazes.
Questionado pela reportagem da BandNews FM sobre o tipo de mandado expedido, um dos policiais disse apenas: “ele (Garotinho) está sendo preso”, assim como a esposa.

SAAE inicia obras de extensão de rede de água no Retiro do Bonfim

Na manhã do dia 20 de novembro a diretora do SAAE, junto com o seu corpo técnico esteve acompanhando as obras de extensões de rede de água na nova operação do SAAE, localizada no Retiro do Bonfim. Serão aproximadamente 400 metros de extensão de rede de água que irá beneficiar em média 80 famílias na localidade.

As melhorias foram dialogadas desde o começo da gestão com a direção do SAAE, e a associação dos moradores da região.

Os moradores da região vinham sofrendo com a falta de água constantes, problemas no quadro de rede elétrica, bem como a falta de limpeza na pequena operação, e a falta do tratamento da água.

Estamos muito contentes com os beneficiamentos que a Autarquia tem levado para Zona Rural, além de levar saúde para comunidade, pois, já começamos a tratar agua, tiramos uma carga muito grande da associação de moradores, uma vez que eles custeavam energia e manutenção, além de não possuir água tratada. Afirma Rosemary Paixão – Diretora do SAAE.

Essa é a proposta do SAAE e o governo de Ricardo Moura e Beto, Cuidando da Nossa Gente.


Chuvas fortes alaga ruas em valença e causa grandes transtornos a população .

As fortes chuvas que caíram em Valença-BA na madrugada desta quinta feira 02/11, trouxeram vários transtornos a população bem como sérios prejuízos em várias partes da cidade.

 No bairro da graça varias ruas ficaram alagadas casas e estabelecimentos comerciais foram inundados e verdadeiros rios se formaram, este é um drama que esta comunidade vive há vários anos e a prefeitura nunca tomou providencias, em entrevista ao repórter da radio rio una fm e site Reporterurgente.com  Ademilton Ferreira , dona Francisca moradora do bairro há mais de 30 anos , disse que os políticos só aparecessem na comunidade do por do sol em período de eleição para enganar os moradores ,e que nesta eleição o atual prefeito esteve de porta em porta pedindo voto e após a eleição nunca mais voltou nem pra agradecer a votação recebida muito menos para tentar amenizar os problemas da nossa comunidade .

Outros pontos da cidade também ficaram submersos e transformaram-se em grandes rios a exemplo da Rua da Aguazinha no trecho que liga a BA. 001 Valença X Taperoá. No bairro da Graça a Avenida Antônio Carlos Magalhães, a Rua Isac Mendes; o loteamento por do sol, Rua Maria Consuelo (conhecida rua da manilha ) .  Rua Jardim Valença (Bairro do Tento )  Rua Heitor Guedes de Mello no centro da cidade , Loteamento estancia azul e Bairro da urbis onde ocorreu um deslizamento de terra que por pouco não acaba em tragédia .  



Quase 4 mil servidores do Estado ficam sem salários por falta de recadastramento

Mais de 3,7 mil servidores ativos do Estado foram retirados da folha de pagamento de outubro porque foram convocados e não realizaram o recadastramento 2017, para atualizar os dados cadastrais. Ao todo, o Estado convocou 150 mil servidores da ativa. A Secretaria de Administração do Estado (Saeb) informou que os funcionários públicos que regularizarem seus cadastros, entregando os formulários preenchidos até o dia 6 de novembro, receberão os salários em folha complementar na segunda quinzena de novembro.

O recadastramento é uma exigência legal e tem objetivo de validar os locais e jornada de trabalho dos servidores ativos do poder executivo do Estado, além de atualizar informações cadastrais dos servidores, a fim de operacionalizar o sistema de recursos humanos. O recadastramento foi iniciado em 17 de julho deste ano e os servidores tiveram dois meses para atualizar seus cadastros eletronicamente, por intermédio do website www.portaldoservidor.ba.gov.br ou diretamente pelo site www.recadastramento2017.ba.gov.br. Para realizar o recadastramento, o servidor precisava apenas de alguns minutos.

A partir do dia 18 de setembro, para quem perdeu o prazo, o recadastramento passou a ser feito apenas presencialmente. Os formulários de recadastramento são encontrados nos sites www.portaldoservidor.ba.gov.br e www.recadastramento2017.ba.gov.br.

Fonte: Correio


Inscrições para nível médio e superior são prorrogadas até 05 de novembro! Salário de até R$ 4.903,05

A Empresa Brasileira de Correios e Telégrafos prorrogou até 05 de novembro de 2017, as inscrições do concurso público (Concurso Correios 2017) que tem objetivo de preencher 88 vagas e formação de cadastro reserva em diversos cargos. A data da prova foi remarcada para 10 de dezembro.
As inscrições no concurso dos Correios 2017 serão realizadas até as 22 horas do dia 05 de novembro de 2017, no site oficial da organizadora do concurso (CLIQUE AQUI). A taxa de inscrição oscila entre R$50,00 e R$70,00. O pagamento da taxa deverá ser efetuado até o dia 26 de outubro de 2017.

Brasil registra mais de 61 mil mortes violentas e atinge maior número já registrado

As taxas tem aumentado desde 2014,
segundo informou o Fórum Brasileiro de Segurança Pública.
Chegou a 61.619 o número de mortes violentas intencionais registradas no Brasil em 2016, crescimento de 3,8% em relação ao ano anterior. Significa sete pessoas assassinadas por hora, segundo dados inéditos do Fórum Brasileiro de Segurança Pública, divulgados nesta segunda-feira (30). A taxa de mortes violentas foi de 29,9 assassinatos por 100 mil habitantes. No Nordeste, ainda maior. Os três Estados com maiores taxas são Sergipe (64), Rio Grande do Norte (56,9) e Alagoas (55,9). As taxas tem aumentado desde 2014. Nas capitais, houve redução de 4,3% no total de mortes. Ainda assim, esses crimes cresceram em 14 dos 27 Estados. Entre as mulheres, foram 4.657 assassinatos, 533 deles registrados como feminicídio. Além de homicídios dolosos, foram 2.703 mortos em latrocínios. As maiores taxas são em Goiás (2,8 por 100 mil habitantes), Pará (2,7) e Amapá (2,4). Outros 4.224 foram mortos em ocorrências policiais. No mesmo período, foram assassinados 437 policiais. (FolhaPress)

Ministério da Saúde amplia a quantidade de medicamentos do SUS

O ministro da Saúde, Ricardo Barros, anunciou, nesta quarta-feira (25), que a lista de medicamentos essenciais do Sistema Único de Saúde (SUS) terá um aumento de 25% no ano de 2018. A Relação Nacional de Medicamentos Essenciais (Rename) incluirá remédio indicados para a assistência hospitalar e oncológica, que estavam fora de circulação desde o ano de 2010. O ministro ressaltou que a Rename era um documento burocrático interno. Entretanto, com a mudança, usuários, gestores, profissionais e órgãos de controle também terão acesso. Neste documento ainda terá informações sobre a disponibilidade dos medicamentos por níveis de atenção e cuidados. Conforme Ricardo Barros, serão cerca de 1.098 medicamentos e insumos.

Câmara derruba segunda denúncia contra Michel Temer e ministros

163 deputados votaram a favor de Temer, e 148 votos contra (Foto: Wilton Junior/Estadão).
A votação da segunda denúncia contra o presidente Michel Temer já não pode resultar em derrota do relatório do deputado Bonifácio de Andrada (PSDB-MG), de acordo com cálculos da base governista. O cálculo leva em conta o quórum na Câmara, o número de ausentes e abstenções, além dos votos ‘sim’ – em favor do parecer de Andrada. Por volta das 20h40, foram declarados 308 votos, com 163 votos a favor de Temer, 148 votos contra, além de 16 ausências e uma abstenção. Para que a denúncia fosse encaminhada, o relatório de Bonifácio de Andrada deveria ser rejeitado por ao menos 342 deputados federais, a maioria qualificada do plenário, que corresponde a três quintos dos 513 parlamentares na Casa. Com isso, a denúncia apresentada por Rodrigo Janot quando ocupava o cargo de procurador-geral da República foi barrada no plenário da Casa e não será encaminhada ao Supremo Tribunal Federal. Temer foi denunciado pelo então procurador-geral da República em 14 de setembro, por formação de quadrilha e obstrução de justiça. Também escaparam da investigação no Supremo Tribunal Federal (STF) os ministros da Casa Civil, Eliseu Padilha, e da Secretaria-geral da Presidência, Moreira Franco.