Carpegiani enaltece atuação do time e revela desejo de contar com Jhemerson na equipe principal

Carpegiani enaltece atuação do time e revela desejo de contar com Jhemerson na equipe principal

Maurícia da Matta/ECV

Neste domingo, o Vitória bateu o Vasco e deu uma respirada na briga contra o rebaixamento. Com o triunfo por 1 a 0, no Barradão, o Leão chegou aos 29 pontos, cinco a mais que o Sport, primeiro time do Z-4. Após a partida, o técnico Paulo Cézar Carpegiani, elogiou a atuação da equipe. Para o treinador, os jogadores mostraram segurança e maturidade no jogo de hoje. “Minha zaga estava acertando, estava excelente, quatro jogos, está bem. É uma equipe que joga, sai de trás jogando, tocando, mesmo na dificuldade. Hoje estou sereno, bastante tranquilo, contente. Falei parta eles isso. Até dei folga amanhã. Tenho um defeito, sou muito perfeccionista. E pela primeira vez me sinto satisfeito desde que estou aqui no Vitória. Primeira vez que vi a equipe praticando um grande futebol”. Carpegiani, no entanto, revelou que o atacante Neilton precisa evoluir e ter mais agilidade. O atacante foi substituído no segundo tempo e deixou o gramado vaiado. “Conversei com ele no intervalo. Tanto ele quanto o Erick. Tinham determinadas jogadas que estavam prendendo muito e situações que tinham que tocar mais rápido. A grande jogada é quando estão de frente e eles têm que escolher esse momento. Não quero comentar jogador que sai e que entra”. O comandante aproveitou a situação para criticar a postura do time nos últimos minutos. “Tentamos aguentar o resultado, o que eu não gosto. Isso são coisas de amadurecimento da equipe. Muitas vezes a gente paga com uma derrota ou um empate. Não foi o caso hoje. Tem que servir de lição”. Carpegiani também fez uma analise da estreia do lateral-esquerdo Fabiano. Para ele, o atleta foi um dos destaques positivos da partida. “Acho que isso são coisas natas. Ele entrou, ganhou dos companheiros, jogador firme na marcação, deve ter um potencial, inteligente, firme, veio pra colaborar com a gente.Estou muito tranquilo. Tinha uma preocupação muito grande e foi um dos grandes jogadores do jogo, assim como o zagueiro. Se sobressai Fabiano, o volante [Léo Gomes] e o zagueiro [Lucas Ribeiro]”. Para finalizar, o técnico falou sobre uma possível chance para Jhemerson no time principal. Atualmente o jogador está no Sub-23. “Eu tenho um menino lá em baixo que estou louco para subir, o Jhemerson. Eu acho que vai ser um dos grandes jogadores do Vitória”. Com o resultado, o Leão ocupa a 12ª posição na tabela, com 29 pontos, enquanto o time carioca tem 24 e ocupa a 16ª colocação. Agora, o rubro-negro volta a jogar no próximo sábado, contra o Ceará, no Castelão. Erick e Lucas Ribeiro, suspensos, desfalcam o time. (BNews)


Comentários fechados.

Notícias Relacionadas